Domingo, 26 de Outubro de 2008

BOAVISTA VENCE ENVOLVIDO NO XADREZ DA PANTERADA

 

 

O BOAVISTA VENCEU POR 1-0 O OLIVEIRENSE E FICA NO PRIMEIRO LUGAR DA LIGA DE HONRA. NAS BANCADAS, O XADREZ MARCOU PRESENÇA EM FORÇA COM BANDEIRAS ESPALHADAS NO SECTOR ULTRAS PELOS PN GAIA, JUNTANDO-SE À FESTA DO TOPO O PRESIDENTE ÁLVARO BRAGA JUNIOR.

 

PATRÍCIA MARTINS

 

Ainda faltavam alguns minutos para o início da partida e já tudo estava preparado para que a jogo de hoje fosse uma grande festa de xadrez entre os boavisteiros que marcaram presença no topo sul. O núcleo de Gaia dos Panteras Negras preparou umas dezenas de bandeiras completamente cobertas de xadrez preto e branco para distribuir pela bancada. Ao entrar das equipas em campo, soa o hino e erguem-se a esvoaçar no ar todas as bandeiras, estandartes e cachecóis, formando um bonito efeito a que ninguém ficou indiferente.

Para a festa ser ainda maior, juntaram-se mais duas estreias no topo: O presidente do Boavista, Álvaro Braga Júnior, escolheu juntar-se aos Panteras para vibrar e apoiar a equipa e abandonou, por um jogo, o camarote presidencial. Uma atitude de louvar que volta a demonstrar o quanto este presidente se importa na relação estabelecida com os adeptos. A outra novidade foi a nova bandeira de Gaia que fez a sua estreia no Bessa com uma coreografia de bonito efeito que começou no relvado antes do apito inicial.

Dentro das quatro linhas, o onze escolhido por Rui Bento apenas contou com alteração do guarda-redes face ao jogo com o Lousada. Assim, com Sérgio Leite na baliza, a defesa ficou entregue a Michel, Gilberto, Jorge Silva e Renato, o meio campo constituído por Bruno Monteiro, Rui Lima e Pedro Moreira, enquanto os atacantes escolhidos foram João Tomás, Adriano e Sidnei.

O Boavista entrou no jogo a pressionar e quando no topo as gargantas ainda aqueciam, Sidnei já colocava a equipa da casa na frente do marcador. Logo aos quatro minutos Rui Lima aproveita um espaço vazio para fazer o passe para Pedro Moreira que por sua vez permite que Sidnei se desmarque e ao colocar-lhe a bola, na cara do guardião da Oliveirense, chuta para o fundo das redes.

Durante o resto da primeira parte o Boavista foi tentando alargar a vantagem com Gilberto a subir constantemente no terreno e bem apoiado por Rui Lima e Sidnei na frente. Já os visitantes iam procurando a sua sorte com lances de contra-ataque resultantes em cruzamentos muito longos ou remates de bola parada. A defesa do Boavista soube sempre travar as tentativas de perigo do adversário, apesar de muitos lances falhados dos dois lados. Mesmo antes do intervalo, João Tomás ainda consegue fazer ressaltar os adeptos nas bancadas com um cabeceamento que podia fazer o 2-0, no entanto, o guarda-redes Jorge Silva chegou a tempo de segurar o esférico.

Já na segunda metade do encontro, o Oliveirense entrou a fazer as despesas da casa, para tentar recuperar da desvantagem. Por volta dos 60 minutos, um jogador visitante conseguiu colocar-se na frente de Sérgio Leite, pronto para disparar, mas o guardião do Bessa conseguiu travar de forma exímia o remate. O técnico axadrezado renova a sua frente de ataque, fazendo entrar Fuska e François para os lugares de João Tomás e Sidnei, pretendendo fechar as linhas de passe adversárias e formando uma equipa mais sólida. Objectivo conseguido.

Até ao final do encontro nada de novo. Refira-se que a actuação do árbitro não ficou muito imaculada havendo muitas queixas das bancadas boavisteiras por suposta dualidade de critérios.

Com os três pontos já assegurados, é hora de arrumar os estandartes e megafone. Fazem-se as contas que dão o Boavista em primeiro lugar, juntamente com o Covilhã e o Santa Clara. A viagem da próxima jornada começa-se a desenhar para uma deslocação a Santa Maria da Feira de grande nível, a fazer lembrar o jogo na Póvoa de Varzim.

 

ULTRAS P. N. GAIA

SEMPRE PRESENTES!!!

 


publicado por Ultras P.N. Gaia às 22:50
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Sábado, 25 de Outubro de 2008

Boavista vs Oliveirense

 

Domingo, amanhã, apareçam no Topo Sul do Estádio do Bessa uns 10 minutos antes para que se possa realizar a coreografia elaborada pelo Núcleo de Gaia!! Nós, Panteras Negras, queremos dar espetáculo e empurrar a nossa equipa para mais uma vitória!! Com a colaboração de todos será tudo mais fácil!!

 

 

Ultras P.N. Gaia

Sempre Presentes


publicado por Ultras P.N. Gaia às 15:57
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 24 de Outubro de 2008

ENTREVISTA EXCLUSIVA DE RUI LIMA AO BLOG PN GAIA

“OS RESULTADOS DA EQUIPA TÊM-SE SOBREPOSTO AOS PROBLEMAS DO CLUBE”

 

 

 

 

PATRÍCIA MARTINS
 
Rui Lima é dos jogadores mais experientes do plantel axadrezado. Desde os 11 anos ligado ao Boavista, o médio fez um interregno da sua passagem pelo Bessa de cinco anos e regressou esta época por acreditar na recuperação do “Boavistão”. Para o jogador de 30 anos, não há dúvidas que a boa prestação neste início de época tem animado até os mais pessimistas e o reerguer do clube depende em muito do apoio que o plantel tem recebido dos adeptos.
 
·         Foi formado nas escolas do Boavista, entretanto saiu por cinco anos e esta época regressou. O que mudou, em termos de atitude do clube, dessa altura para aqui?
 
Penso que a atitude e a mística do clube mantêm-se apesar de todos os problemas que o Boavista atravessa neste momento a nível financeiro. A própria massa associativa tem comparecido em força nos jogos e acho que isso se mantém desde essa altura. Apesar da equipa estar numa nova fase da sua vida, na segunda liga pela primeira vez, acima de tudo esse espírito que sempre houve aqui no Boavista é o mesmo de sempre.
 
·         Como viu e sentiu a despromoção do Boavista?
 
É uma tristeza e um impacto muito forte sobretudo para quem gosta muito do Boavista. Mas penso que tem havido uma resposta bastante boa, tanto da parte dos atletas como a massa associativa que tem acompanhado a equipa tanto nos jogos em casa como fora e penso que isso é muito importante para, aos poucos, o Boavista ir-se reerguendo e voltar aos lugares que normalmente ocupa.
 
·         Com um arrancar de campeonato conturbado, o plantel recuperou facilmente da mudança improvável e apressada de treinador?
 
O timing se calhar não foi o melhor mas temos que entender as razões que levaram o mister Pacheco a tomar essa decisão. Com a entrada do mister Rui Bento procuramos assimilar o mais rápido possível o trabalho e as ideias dele. Não tínhamos muito tempo até ao início do campeonato para que isso acontecesse mas penso que com o passar dos jogos e do tempo as coisas têm melhorado, a equipa tem vindo a praticar melhor futebol e os jogadores entendem-se melhor dentro de campo e penso que estamos em crescendo e esperamos manter esse crescimento.
 
·         Como tem encarado o trabalho desenvolvido por Rui Bento?
 
Tem sido um trabalho bastante positivo, ele chegou praticamente em cima da primeira jornada, não conhecia grande parte dos jogadores em virtude da juventude deles, mas nós, os mais velhos, também temos vindo procurar a ajudar e penso que temos feito um bom trabalho e até vindo a superar as expectativas das pessoas mais pessimistas e a própria massa associativa tem visto que o plantel tem qualidade e acima de tudo tem querer e vontade de vencer. É essa mentalidade que vamos procurar manter até ao final da época.
 
·         Qual o balanço que faz deste início de época no Boavista?
 
Como lhe disse, nós sabíamos do nosso valor, sabíamos que ia ser difícil, sabíamos que estávamos em atraso em relação às outras equipas que começaram a treinar logo no início de Julho, mas pronto, a partir do momento em que começamos a treinar a sério no princípio de Agosto, sabíamos que tínhamos qualidade, jogadores jovens com muita qualidade que estão a aparecer agora, outros jogadores que já conhecem também bem a segunda liga e as suas dificuldades. Penso que temos o nosso crer e o bom espírito que temos no balneário nos tem ajudado a superar as dificuldades que aparecem nos jogos e a superar um pouco as expectativas das pessoas.
 
·         Tendo já alguma experiência na Liga de Honra e conhecendo a sua forte competitividade, qual acha que está a ser a atitude dos adversários perante o Boavista?
 
Quer queiramos quer não, o Boavista é sempre uma equipa que motiva o adversário. É um clube que não é deste campeonato, já há muitos anos que não jogava na segunda divisão. Apesar de todas as dificuldades é um clube que motiva os adversários e nós sentimos isso e sabemos que é mais um obstáculo que temos que contornar todos os Domingos. Perante a motivação do adversário temos procurado ser regulares, pois nesta segunda liga é muito importante ser regular, principalmente nos jogos em casa. Uma equipa que não tenha percalços em casa à partida chega ao último terço do campeonato nos lugares de disputa de subida de divisão. É isso que vamos procurar fazer: vencer os nossos jogos em casa, amealhar alguns pontos fora e vamos ver o que acontece lá para Março ou Abril.
 
·         Como se encontra o ambiente no seio da equipa neste momento?
 
É o melhor que pode haver, o melhor possível. Damo-nos todos bem, não tem havido qualquer tipo de problema e penso que isso se transmite bem aos Domingos nos jogos.
 
·         Na sua opinião, os jogadores menos experientes deste plantel (que são muitos), têm noção do historial do Boavista?
 
Talvez não tenham. É normal, eu se calhar quando tinha 17 ou 18 anos também não me apercebia de coisas que se passavam em redor do clube que agora me apercebo. É próprio da juventude, mas nós também tentamos mostrar que o Boavista já conquistou muitas coisas, era um clube com grande poder e historial no futebol português e neste momento está numa fase difícil e cabe a eles (a equipa), juntamente com a equipa técnica e os directores, voltar a colocar o Boavista num lugar que sempre foi dele que é entre os melhores da primeira liga.
 
·         É constante ouvirmos elogios do plantel aos adeptos boavisteiros. Como tem visto a sua prestação e em que medida tem sido tão importante esse apoio?
 
É muito importante porque eles estão feridos no seu orgulho por tudo o que se passou. A equipa também sente isso, nós os mais velhos, e falo por mim que já estou ligado ao Boavista desde os 11 anos, sabemos que é uma situação nova para o clube e penso que o apoio da massa associativa tem sido muito importante não só em casa como fora. Acima de tudo porque é um plantel jovem e que está a dar os primeiros passos a maior parte deles no futebol sénior e o apoio da massa associativa é bastante importante para a integração deles no futebol profissional, para ajudar a equipa a conseguir bons resultados, a equipa conseguindo bons resultados há, logicamente, aquela motivação e a confiança das pessoas. As pessoas têm comparecido em massa e espero que continuem a apoiar a equipa porque é muito importante.
 
·         Na sua perspectiva, existem quezílias no interior do clube?
 
Que eu tenho conhecimento não, mas também nós somos empregados ao serviço do clube, procuramos dar o máximo nos nossos treinos para chegar ao Domingo na melhor forma possível e ganhar jogos para tentar reerguer novamente o clube. Esse tipo de problemas são coisas que nos passam ao lado e nós também não temos interesse em nos envolvermos nesse tipo de aspectos.
 
·         Acha que o país, em geral, dá o Boavista como “morto”?
 
Não, penso que não. Talvez no início, como todos os dias abríamos as páginas dos jornais e havia uma bomba sobre o Boavista. Mas agora, não se tem falado tanto disso, talvez os resultados da equipa tenham sobreposto esses problemas que o clube atravessa e neste momento as pessoas já falam mais da equipa e dos resultados da equipa do que propriamente dos problemas e é isso que vamos tentar fazer também: corresponder com atitude, com querer e se for possível com vitórias. Para as pessoas falarem de nós, da equipa, promoverem a equipa e mostrarem que o Boavista está com problemas, mas está vivo.
 
·         Acredita numa recuperação do velho “Boavistão”?
 
Se não acreditasse não tinha vindo para o Boavista.
 
 
P.N. GAIA – SEMPRE PRESENTES!!!
 
P.S. - Veja aqui, mais logo, o vídeo com a mensagem de incentivo de Rui Lima aos adeptos para o jogo frente ao Oliveirense!

publicado por Ultras P.N. Gaia às 21:26
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 22 de Outubro de 2008

Boavista vs aldeões

 

O sorteio da Taça de Portugal desta manhã ditou que o nosso próximo adversário será a equipa dos aldeões!! Este jogo a contar para a IV Eliminatória, para já, está marcado para dia 9 de Novembro do próximo mês!! Será o Nosso regresso aos palcos principais, de onde nem devíamos ter saído!!

 

Cá vos esperamos!!!

Ultras P. N. Gaia

Sempre Presentes

tags:

publicado por Ultras P.N. Gaia às 13:19
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 19 de Outubro de 2008

BOAVISTA VENCE E SEGUE EM FRENTE NA TAÇA DE PORTUGAL

 

PATRÍCIA MARTINS
 
O Boavista venceu esta tarde o Lousada por 1-0, passando assim à quarta eliminatória da Taça de Portugal. O belíssimo golo axadrezado foi apontado por Rui Lima.
O treinador Rui Bento optou por fazer a rotação de guarda-redes, dando a oportunidade a Trigueira de defender as redes do Bessa. Nas restantes posições não houve muitas mexidas: Gilberto, Jorge Silva, Michel e Renato jogaram na linha defensiva, o meio campo foi preenchido por Pedro Moreira, Rui Lima e Bruno Monteiro, enquanto os avançados de serviço foram Adriano, Sidnei e João Tomás.
As bancadas do Bessa estavam um pouco despidas de público ficando abaixo das expectativas, no entanto, isso foi colmatado com apoio ao mais alto nível sobretudo ecoado do topo sul.
O Boavista entrou bem na partida, controlou o jogo e aos 35 minutos Rui Lima recebeu a bola e rematou em força ainda bem de fora da grande área. Mais um bonito golo do médio boavisteiro a fazer saltar todos os adeptos das cadeiras!
Na segunda metade os Panteras Negras estiveram muito bem numa disputa saudável pelo melhor apoio ao Boavista. “Até morrer Boavista Allez…” Ouvia-se a altas vozes, misturado por vezes com outros conhecidos cânticos de incentivo aos jogadores de preto e branco. Um momento a repetir!
Em campo, o jogo equilibrou-se e os visitantes chegaram mesmo a provocar calafrios por entre os boavisteiros com um remate ao poste da baliza sul na sequência de um canto. No entanto, as oportunidades de perigo dos forasteiros não foram além disso e o Boavista voltou a sobrepor-se podendo alargar a vantagem por duas vezes ainda quase no final do encontro.

 

 

Já na sala de imprensa, o capitão Jorge Silva exaltou a importância do apoio dos adeptos para a equipa continuar neste bom caminho: “O Boavista tem uma mística própria. Lutamos sempre até ao último segundo, pois temos um espírito de crença muito grande e nunca nos esquecemos dos nossos adeptos. Os sócios e os Panteras Negras têm ajudado muito. Eles são a nossa maior arma e nós só temos que lhes agradecer. Este é o nosso clube, sentimo-lo e estamos muito unidos”.
O sorteio da próxima eliminatória é já na Quarta-feira. Antes disso, a concentração está dirigida à próxima jornada do campeonato a disputar Domingo, no Bessa, frente ao Oliveirense.
 

               

 

 

P.N. GAIA – SEMPRE PRESENTES!!!

publicado por Ultras P.N. Gaia às 23:58
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Sábado, 18 de Outubro de 2008

ESCOLINHAS: CANDAL 0-2 BOAVISTA

As escolinhas (A) de formação do Boavista jogaram esta manhã no estádio Rei Ramiro, diante do Candal.

 

 

 

Os "miúdos" venceram por 2-0 e demonstraram já jeito para a coisa...

 

 

 

 

É de "pequenino" que se incute a mística axadrezada e são eles o futuro do nosso Boavista!

 

Da nossa parte, só nos resta apoiá-los!

 

 

 

P.N. GAIA - SEMPRE PRESENTES!!!

 


publicado por Ultras P.N. Gaia às 20:58
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 15 de Outubro de 2008

Boavista vs Porto

 

Hoje o Boavista F. C. no escalão Sénior Ganhou por uma bola ao clube do mercado abastecedor no jogo a contar para a 2ª jornada da Liga Intercalar! Estes resultados muitas das vezes não são o espelho da situação actual dos clubes, sabendo até que o nosso plantel não tem jogadores de elevadissimo escalão desportivo, mas o que é certo é que têm a garra, a vontade de jogar e o carísma para enfrentar seja quem for! Ao contrário de muitos outros. Apenas esperamos que seja um bom sinal daquilo que pretendemos esta época que é voltar ao escalão de onde nunca deveriamos ter saído!!


publicado por Ultras P.N. Gaia às 23:14
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 12 de Outubro de 2008

INICIADOS: Boavista 1-0 Pasteleira

 

O Boavista defrontou hoje o Pasteleira em iniciados.

 

Neste dérbie da invicta, os axadrezados venceram por 1-0.

 

 

Aqui fica a nossa referência e a prova de que o Boavista não é só Futebol sénior!

 

 

Nuno (na foto com a placa de substituição), um dos membros do nosso núcleo, é director de formação dos iniciados, dedicando-se a 100% aos "seus miúdos".

 

 

 

Aqui fica o vídeo do golo:

 

 

 

 

P.N. GAIA - SEMPRE PRESENTES!!!

 


publicado por Ultras P.N. Gaia às 14:59
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 8 de Outubro de 2008

A PAIXÃO DE UM “PANTERA NEGRA”

 

 

Ricardo Pinho é um dos elementos mais reconhecidos da claque Panteras Negras, mas pelos lados do Bessa todos o conhecem por “Gaia”. “Porquê Gaia? Porque há uns anos só eu era de Gaia e andava com a faixa para todo o lado, então foi ficando Gaia e eu até gosto. Se aqui me chamassem Ricardo seria muito estranho.”
 
 
PATRÍCIA MARTINS
 
 
Tem 27 anos e desde os sete que é sócio do Boavista. A paixão pelo clube está enraizada desde sempre – na família todos são boavisteiros – até a filha de apenas três meses já é sócia do clube. Há mais de uma década que pertence aos Panteras Negras. Cresceu no meio da claque e isso reflecte-se no à vontade com que está entre os Ultras. No dia-a-dia mostra-se uma pessoa muito calma, tímida até, mas em dias de jogos extravasa as suas emoções. “Com a paragem de campeonato, devido ao Ano Novo, já estava a sentir a falta de alguma coisa.”
 
A poucos minutos do início do jogo entre o Boavista e o Sporting, Gaia entrou na bancada do topo sul do estádio do Bessa. Na mão trazia o megafone e no coração o nervoso miudinho de mais um jogo. Ainda antes das equipas entrarem em campo era tempo de erguer a bandeira. Como se diz na gíria popular, Gaia é “pau para toda a obra”: não se acanha em esvoaçar as bandeiras, tocar o bombo ou mesmo dar o mote para o apoio à equipa axadrezada com o megafone em punho.
 
Com o início da partida, os Panteras Negras fazem-se ouvir no estádio. Gaia está quase sempre voltado de costas para o jogo, a incentivar os restantes elementos no apoio ao Boavista. Não se importa com isso, mas há alturas em que fica desanimado: “ O que mais me custa é quando não estou a ver o jogo e depois ninguém canta, está tudo sentado e calado”.
 
Para quem está entre os Ultras fica claro que Gaia é, na maioria das vezes, o responsável pelas vozes soarem nas bancadas: “Não deixa morrer, não pára! Mais alto! Vamos lá!”. No entanto, com um sorriso tímido, nega ser um líder no topo sul: “sou apenas mais um elemento”. O nome Gaia é conhecido por praticamente todos os adeptos do Bessa e até por outros estádios do país. Se por um lado isso o deixa contente, por outro lado traz algumas desvantagens: “sempre que há alguma confusão acham que é o Gaia e a maior parte das vezes eu nem sei o que se passou. Aconteceu isso quando pintaram frases contra o Pacheco e me ligaram a pensar que tinha sido eu. Estava em casa e nem sabia que o tinham feito”.
 
Quando confrontado com a hipótese de vir a ser um dia presidente da associação Panteras Negras, é convicto na resposta: “Não. Se já assim me ligam a coisas que nunca fiz, que fará se fosse!”
 
A seis minutos do intervalo surge o tão desejado golo do Boavista: explosão de alegria na bancada e Gaia não é excepção. Salta do lugar e o sorriso estampa-se na cara. Com a vantagem, há que continuar a dar força à equipa. É claro que as vozes de apoio sobem de tom sempre que há uma oportunidade de golo mais clara, tal como um canto. Gaia compreende, mas é a favor do apoio durante os 90 minutos e não só nos momentos fulcrais de uma partida.
 
O intervalo chega e é altura de descompressão. Há tempo para falar um pouco dos sacrifícios que às vezes são necessários para estar sempre presente: “quando os jogos são fora, e no dia seguinte vou trabalhar, praticamente faço directas, uma vez que tenho de me levantar muito cedo.” A família há muito que se habituou à sua vida enquanto Ultra: “A minha mulher sabe que o Boavista é a minha felicidade e não se opõe, apenas receia por eventuais confusões”. 
 
Como membro da claque Panteras Negras, tem muitas histórias para contar, mas afirma que “actualmente há muito menos violência nos estádios”.
 
No retomar da segunda parte, ele volta a puxar pelos adeptos. Entoam-se cânticos, batem-se palmas e vive-se a rivalidade Porto – Lisboa: “Pessoal, está tudo com as mãos em cima! E quem bate palmas é tripeiro!”. Apesar de estar com o megafone, Gaia ainda arranja tempo para dar uns toques no bombo.
 
O receio de um eventual golo do adversário deixa a claque mais ansiosa, mas aos 79 minutos o Boavista marca o segundo golo. Nova explosão, desta vez ainda mais emotiva. Era uma vitória praticamente assegurada e logo frente a um dos “grandes”.
 
Até os jogadores saírem de campo cantava-se e festejavam-se mais 3 pontos alcançados.
 
Gaia é exemplo de três coisas: humildade, entrega e paixão pelo Boavista. Um maestro de costas para o espectáculo, um líder de frente para a vida…

 

 

 

 

P.S. - Esta reportagem foi já publicada dia 6 de Janeiro de 2008 na Gazeta do Futebol.


publicado por Ultras P.N. Gaia às 22:30
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 7 de Outubro de 2008

Olhanense 1 - Boavista F. C. 1

 

Esta deslocação a Olhão decorreu praticamente no mesmo horário da de Portimão! Ainda cedo na madrugada, os Ultras do Bessa concentraram-se, alguns na sede e outros na pantera já a dar uns toques na bola! Saídos por volta das 4 da mantina no Bessa, rumamos a Olhão para elevar o nome do Boavista o mais alto possível!! Com uma viagem animada, mas desta vez sem filmes do Van Damme mas para compensar uns musicais dos Kalashnikov pouco atraentes para quem seguia na Viagem!!

 

 

Tal como não podiam faltar, as paragens nas estações de serviço... Para lá, com o decorrer da noite e a secura que se fazia sentir tinha que se abastecer novamente o depósito de combustível Ultra! Em que alguns se aproveitavam para dar mais uns toques na bola para descomprimir!!

 

 

 

Chegados a Olhão, por volta das 11.30, e antes de procurar um sítio onde parar para almoçar paramos num café junto ao porto para continuar a matar a sede pois a temperatura não se comparava à noite fria que tínhamos passado na viagem, faziam-se sentir uns 30 graus! Chegada então a hora da bola dirigimo.nos para o estádio do Olhanense em que paramos num tasco mesmo lá à porta que devia ser o ponto de encontro da suposta claque e alguns adeptos da casa!

 

 

Falando propriamente do jogo... não há muito a dizer... Nos primeiros 10\15 minutos dominamos e deu para perceber que a equipa da casa não tinha grande qualidade de jogo...! Após esse pequeno período, sem saber como ou porquê os jogadores axadrezados pareciam que se arrastavam pelo campo, talvez devido ao calor abafado que estava! Depois, como não poderia faltar, os árbitros ajudaram para que o espectáculo ficasse ainda mais pobre marcando foras de jogo completamente alucinantes, dando cartões amarelos aos jogadores do Boavista por faltas sem razão alguma, fazendo com que ficássemos encostados à nossa grande área...! Assim seria impossível concretizar qualquer tipo de ataque...!! Já quando as esperanças eram poucas, já o Quarto árbitro tinha mostrado a placa de Quatro minutos de compensação, o Boavista tem um ataque em que deixa Sidnei isolado frente ao guarda-redes e como provavelmente terá aprendido por um lance anterior semelhante em que rematou à figura do guardião da casa, já rematou para o meio da baliza havendo uma enorme explosão dos Adeptos Axadrezados na bancada em que nos encontrávamos!!!

 

 

De lamentar o facto de no intervalo terem havido uns tumultos fora da bancada e depois no fim do jogo passarmos em frente ao mesmo tasco onde tínhamos estado umas horas antes a conversar e a conviver com os elementos que lá se encontravam!! Paleio a mais para quem se acha maior que os outros! Mas ainda assim houve quem nos viesse cumprimentar no fim do jogo!! Seguindo viagem para o Norte logo após o arranque quase que tivemos de fazer uma paragem forçada por causa de 'ronha' de um elemento só, que queria ficar plantado no Algarve, e foi isso que tentou fazer na primeira estação de serviço, numa atitude infantil e completamente despropositada, fazendo com que chegássemos ao Bessa cerca de uma hora atrasados!! Chegada ao Bessa: 00:40 da manhã, já toda a gente morta por cair em lençóis caseiros!! Estamos em Grande e não podemos perder o lanço!!! ESTAMOS VIVOS!!!!

 

Ultras P.N. Gaia - Sempre Presentes!!!


publicado por Ultras P.N. Gaia às 13:02
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito

.Visitas

Free Web Counter

.Momentos P.N.

Photobucket

.Material de Apoio P.N. Gaia

.pesquisar

 

.Março 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. Voleibol:Boavista FC vs S...

. Futebol Feminino:Boavista...

. Futsal:Boavista vs ADR Ma...

. DR. LUÍS FILIPE MENESES V...

. PANTERAS NEGRAS (RIBEIRÃO...

. Esta Quarta Feira Vamos T...

. Voleibol:Sempre Presentes...

. Ribeirão 2 vs 0 Boavista ...

. BOAVISTA FC NA PRIMEIRA L...

. Invasão a Ribeirão

.arquivos

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.links

.Translator

.Visitantes On.line

.mail

pngaia_84@sapo.pt